Preconceito na pele

0

Durante as últimas eleições presidenciais na França, a agência Leo Burnett de Paris, em conjunto com a entidade CRAN, um conselho de entidades francesas que lutam contra o racismo, lançaram um esforço de sensibilização para essa causa.

A campanha destaca a crueldade da discriminação racial: um homem tatuado com insultos racistas em todo o corpo percorreu Paris para lembrar aos franceses que os insultos racistas deixam marcas duradouras que são impossíveis de esquecer. O projeto contou com depoimentos de jornalistas e celebridades que revelaram suas experiências amargas ao sofrerem todo tipo de preconceito. Confira.

 

 

Deixe seu comentário